Quarantine Lessons (#03): Reconnecting people.

in hive-148441 •  2 months ago 

This publication was also written in SPANISH and PORTUGUESE.

Tired Earth

The isolation period recommended by the World Health Organization - WHO (and other health professionals) amid the pandemic of the new Coronavirus (Covid-19) continues and because of that, we all have to stay inside our homes. However, what can be seen as boring for some people (which is understandable), can be seen by others as an opportunity to learn something new.

In the midst of these daily learnings, it is also possible to rescue some values ​​hitherto "forgotten" because of the fast pace of life and that is precisely what I am going to comment on today, highlighting the importance of keeping people connected. Whether personally or technologically, this period of social constraint is showing us the importance of maintaining our links strengthened and that it is never too late to do so.

Lately, I have been talking a lot more with my family and this closer interaction has been very beneficial for showing that it is always important to have time to be exclusively with them. Obviously I did this before the quarantine, but in these days of confinement this interaction is being more intense because we are all together, in the same place and at the same time.

I have also talked a lot with my friends (those who are closest and those who are further away, living in other states) and at this point, technology is being essential for this to happen because without it, this could not be a reality. I prefer the "face to face" interaction (in this matter, I am following an old trend), but in times of distance... This is the only solution.

Staying connected to the people we care about is something we should do every day, but we know that it doesn't always happen or that it isn't always possible. For several reasons we postpone this interaction and sometimes, when contact is reestablished, things can gradually change, and may even result in natural distance between people.

There are those who believe that those who are not seen are not remembered. I think very differently because when any kind of relationship is essentially true, the lack of contact can really weaken the knots that connect people, but if they are tied tightly, just squeeze them again whenever we have the opportunity. These knots will never be undone if both parties work towards this goal.


Lecciones en la Cuarentena (#03): Reconectando personas.

El período de aislamiento recomendado por la Organización Mundial de la Salud - OMS (y otros profesionales de la salud) en medio de la pandemia del nuevo Coronavirus (Covid-19) continúa y debido a eso, todos debemos permanecer dentro de nuestros hogares. Sin embargo, lo que puede ser visto como aburrido para algunas personas (lo cual es comprensible), puede ser visto por otros como una oportunidad para aprender algo nuevo.

En medio de estos aprendizajes diarios, también es posible rescatar algunos valores hasta ahora "olvidados" debido al rápido ritmo de vida y eso es precisamente lo que voy a comentar hoy, destacando la importancia de mantener a las personas conectadas. Ya sea personal o tecnológicamente, este período de restricción social nos muestra la importancia de mantener nuestros vínculos fortalecidos y que nunca es demasiado tarde para hacerlo.

Últimamente he estado hablando mucho más con mi familia y esta interacción más cercana ha sido muy beneficiosa para demostrar que siempre es importante tener tiempo para estar exclusivamente con ellos. Obviamente hice esto antes de la cuarentena, pero en estos días de confinamiento esta interacción es más intensa porque estamos todos juntos, en el mismo lugar y al mismo tiempo.

También he hablado mucho con mis amigos (los que están más cerca y los que están más lejos, viviendo en otros estados) y en este punto, la tecnología es esencial para que esto suceda porque sin esto, esto no podría ser una realidad. Prefiero la interacción "cara a cara" (en este asunto, sigo una vieja tendencia), pero en tiempos de distancia... Esta es la única solución.

Mantenerse conectado con las personas que nos importan es algo que debemos hacer todos los días, pero sabemos que no siempre sucede o que no siempre es posible. Por varias razones, posponemos esta interacción y, a veces, cuando se restablece el contacto, las cosas pueden cambiar gradualmente e incluso pueden dar lugar a una distancia natural entre las personas.

Hay quienes creen que los que no son vistos no son recordados. Pienso de manera muy diferente porque cuando cualquier tipo de relación es esencialmente cierta, la falta de contacto realmente puede debilitar los nudos que conectan a las personas, pero si están atadas con fuerza, simplemente apriételas nuevamente cuando tengamos la oportunidad. Estos nudos nunca se deshacerán si ambas partes trabajan para lograr este objetivo.


Lições na Quarentena (#02): Reconectando pessoas.

O período de isolamento recomendado pela Organização Mundial da Saúde - OMS (e demais profissionais da saúde) em meio a pandemia do novo Coronavírus (Covid-19) continua e por causa disso, todos nós temos que ficar dentro de nossas casas. Porém, o que pode ser visto como algo entediante para algumas pessoas (o que é compreensível), pode ser visto por outras como uma oportunidade de aprender algo novo.

Em meio a esses aprendizados diários, também é possível resgatar alguns valores até então "esquecidos" por causa do ritmo de vida corrido e é justamente sobre isso que eu vou comentar hoje, destacando a importância de manter as pessoas conectadas. Seja pessoalmente ou tecnologicamente, essa período de restrição social está nos mostrando a importância de manter nossos elos fortalecidos e que nunca é tarde para fazer isso.

Ultimamente, eu tenho conversado muito mais com a minha família e essa interação mais próxima está sendo muito benéfica por mostrar que é sempre importante ter um tempo de estar exclusivamente com eles. Obviamente que eu já fazia isso antes da quarentena, mas nesses dias de confinamento essa interação está sendo mais intensa porque todos nós estamos juntos, no mesmo lugar e ao mesmo tempo.

Eu também tenho conversado muito com meus amigos (os que estão mais próximos e os que estão mais longe, morando em outros estados) e nesse ponto, a tecnologia está sendo essencial para isso acontecer porque sem ela, isso não poderia ser uma realidade. Eu prefiro a interação "cara a cara" (nesse questão, eu sou sigo uma tendência antiga), mas em tempos de distanciamento... Essa é a única solução.

Manter-se conectado as pessoas que nós gostamos é algo que nós devemos fazer todos os dias, mas nós sabemos que nem sempre isso acontece ou, que nem sempre é possível. Por diversas razões nós vamos postergando essa interação e às vezes, quando o contato é restabelecido, as coisas podem ir gradualmente mudando, podendo inclusive resultar no afastamento natural entre as pessoas.

Há quem acredite que quem não é visto não é lembrado. Eu penso muito diferente porque quando qualquer tipo de relação é essencialmente verdadeira, a falta de contado pode realmente enfraquecer os nós que ligam as pessoas, mas se eles forem bem amarrados, é só apertá-los novamente sempre que nós tivermos a oportunidade. Esses nós nunca serão desfeitos se ambas as partes trabalharem com esse objetivo.

Authors get paid when people like you upvote their post.
If you enjoyed what you read here, create your account today and start earning FREE STEEM!
Sort Order:  

This post is shared to Twitter in support of @ocd and @ocdb's #posh initiative.

https://twitter.com/wiseagent_apo/status/1243209078182207488